Início da Criação.

Iniciamos a criação de cavalos crioulos em 1994 após adquirir o primeiro exemplar, uma potranca chamada Quartela do Jaredo, numa exposição em Pelotas – RS. Depois compra o Minuano da Vila Velha, filho de BT Utrilho da Cabanha Vila Velha de Curitiba – PR.

 

No início usávamos estes animais para rodeios dos quais participávamos, mas com o passar do tempo foi aumentando a paixão pelos cavalos crioulos e adquirimos várias éguas para reprodução. Mais tarde, em 1998, adquirimos o cavalo chileno puro Esquilador do HV, filho de La Invernada Hornero na Idahue Sandra.

Começamos a partir do Esquilador do HV a montar uma estrutura para treinamento às provas do Freio de Ouro, o qual já nos deu muitas alegrias.

Meus filhos Caio e Thiago começaram a gostar do cavalo crioulo, participando das provas infantil e juvenil, chegando as finais das provas em Esteio. Assim o gosto pela criação e provas do cavalo crioulo ficou mais forte e uniu ainda mais a família.

Em 2001 e 2003 o Esquilador do HV foi finalista do Freio de Ouro e em 2004 a finalista foi a égua Altaneira da Bela Aliança. Paralelo às provas funcionais, ganhamos algumas exposições morfológicas, inclusive com premiação em Esteio.

 

Nestes anos de criação começamos uma seleção da raça, e pretendemos dar seqüência, uma vez que a cada nascimento de um potro na Bela Aliança esperamos por mais um grande campeão.

Em 2003 fizemos a primeira credenciadora na Cabanha que foi um grande sucesso. Em 2004 e 2005 paralelo as provas organizamos os leilões, nos quais tivemos grande êxito com venda total dos animais. Sempre com premiações nas credenciadoras, e futuras premiações para os clientes e compradores do afixo Bela Aliança.

Estamos começando a colher os frutos da semente do cavalo crioulo que plantamos nos campos de Santa Catarina a vários anos, e que hoje vem nos proporcionando muitas alegrias.

 

Francisco Carlos Habowsky e Filhos.

  
 




Facebook Cabanha Bela Aliança